Candeias: Fiscalização identifica mais de 700 alvarás de táxi irregulares

0

Uma ação de fiscalização, realizada entre a Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) e o Ministério Público estadual, identificou 726 veículos com alvarás de táxi irregulares. O município conta atualmente com 1.086 licenças e apenas 360 veículos estão com alvarás ativos, de acordo com a SMTT.

Segundo o secretário de Trânsito e Transporte, Edmilson Sousa “Nininho”, em entrevista à Rádio Baiana FM, nesta quarta-feira (10), veículos com placas de identificação de táxi foram flagrados em estacionamento de condomínios, em Salvador, sem exercer a atividade. “A gente descobriu alguns táxis parados em condomínios parados, sem rodar”, afirmou.

As investigações que apuram as supostas irregularidades na concessão dos alvarás para táxis expedidos por meio de processo licitatório e outorgado pela prefeitura de Candeias ocorrem desde 2017. De acordo com o MP, foram concedidas uma quantidade excessiva alvarás de táxis no município entre os anos de 2011 a 2016.

Conforme o secretário, a concessão de alvará de táxi está suspensa até a conclusão das investigações. “O prefeito [Dr. Pitágoras] nos deu total autonomia para começar fazer esse trabalho. Até hoje, o prefeito não concedeu nenhuma concessão. A Secretaria está fazendo o trabalho de dar a concessão a quem realmente trabalha”, ressaltou.

Legislação

A Lei Federal nº 8.989 concede a isenção de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e de Imposto sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguro, ou relativas a Títulos ou Valores Mobiliários (IOF) aos permissionários ou concessionárias de transporte público de passageiros, na categoria de aluguel (táxi).

Informações da Baiana

SHARE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui