CANDEIAS: Polícia reconstitui morte de artista plástico Arnaldo Filho

0

Peritos, testemunhas e policiais do Departamento de Polícia Técnica (DPT) reconstituíram na noite desta quinta-feira (7), a cena da morte do artista plástico Arnaldo Filho, o Nadinho, de 61 anos. Ele foi morto durante uma ação da Polícia Militar no bairro Santo Antônio, em Candeias.

A investigação foi solicitada pela Corregedoria da Polícia Militar como parte do processo de investigação. Advogados e familiares da vítima acompanharam a reconstituição do caso.

Segundo informações do G1, a PM tem mais cerca de 20 dias para concluir o inquérito que pode terminar com a expulsão dos policiais envolvidos no caso. Eles foram afastados das atividades na rua, mas ainda continuam com funções administrativas.

SHARE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui