PP muda estratégia: Cacá tenta Câmara e Muniz fica apenas na campanha de Leão

0

xIMAGEM_NOTICIA_5 .jpg.pagespeed.ic.Fphg9XODpo

Após reunião da executiva estadual do PP, realizada nesta segunda-feira (19), a legenda fez algumas mudanças em relação às candidaturas de deputados federais e estaduais nas eleições deste ano. Ficou definido que o deputado estadual Cacá Leão não tentará mais a reeleição, como anteriormente previsto, e disputará uma cadeira na Câmara Federal. A estratégia dos pepistas é transferir para Cacá os votos de seu pai, o deputado federal João Leão, candidato a vice-governador na chapa do petista Rui Costa. Já o suplente de senador Roberto Muniz não disputará mais o pleito para tentar se eleger deputado estadual. Muniz terá apenas a tarefa de colaborar diretamente na candidatura de Leão, na chapa majoritária. Com as alterações, os pepistas pretendem aumentar o seu espaço na Câmara Federal, com quatro representantes eleitos – Luiz Argôlo foi para o Solidariedade – e manter a configuração atual na Assembleia Legislativa da Bahia, com seis representantes. A convenção da sigla na Bahia será realizada no mês de junho. Fonte BN.

SHARE