Vereador de Candeias denuncia a falta de remédios nas unidades de saúde

0

Em sessão realizada nesta manhã de quinta-feira (12) na Câmara Municipal de Candeias, o vereador Arnaldo Araújo (PSDB) explanou a falta de remédios constante na Farmácia Básica e nas unidades de saúde. De acordo com Arnaldo, um morador identificado como José Carlos Nery lhe procurou denunciando que foi até a Farmácia Básica e não conseguiu pegar uns remédios que custam R$ 20,82 e R$ 36 reais.

Segundo Arnaldo, em 2017 o município arrecadou R$ 369 milhões. Em 2018, arrecadou R$ 447 milhões. E no final de 2018 foi aprovado uma dotação orçamentária no valor de R$ 70 milhões para serem gastos na área de saúde, entretanto, um paciente não consegue encontrar um remédio no valor de R$ 20 reais.

O edil denunciou os milhões que estão sendo gastos em medicamentos com a empresa TOP VIDA. Arnaldo denunciou também o contrato milionário no valor R$ 100 milhões com a empresa de lixo MM CONSULTÓRIA e a empresa VIA RETA – iluminação pública – no valor de R$ 3 milhões. Valores exorbitantes e suspeitos.

O TCM vem fazendo uma auditoria na Secretaria de Saúde de Candeias em virtude de diversos contratos milionários.

SHARE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui